36H EM AUCKLAND




NOVA ZELÂNDIA

>

KIWILAND. UMA conexão cheia de histórias. Deixa eu explicar: voltar a Nova Zelândia foi super nostálgico, e um layover de 36 horas em Auckland foi o suficiente apenas para intensificar a saudade desse lugar que já chamei de 'casa'. E sabe qual foi o sentimento presente? De pertencimento!

Chegamos do outro lado do mundo e tudo foi tão familiar. AKL é uma cidade com um mundo inteiro dentro dela, tão cosmopolita quanto se pode imaginar. É incrível como ela abraça uma diversidade global, e faz disso sua característica mais surpreendente.

> DOWN UNDER

Paramos em Auckland, numa conexão com destino a Polinésia Francesa. E nesse pedacinho de terra cercada pelo oceano Pacífico foi que vivemos as mais intensas horas dos últimos tempos. Sabe quando você tem a sensação que se passaram muitos dias, mas na verdade foi apenas um?! Pois foi exatamente assim que tudo aconteceu...

Pousamos cedinho, ainda de madrugada, no aeroporto, e eu queria rever tantos amigos, tantos lugares, tantas comidas e mostrar tudo ao Thiago ao mesmo tempo que estava eufórica ;) rsrsrs (e sim, foi a primeira vez dele em terras neozelandesas).

Decidimos ficar em Auckland Central, e o dia já começou intenso! Largamos as malas e caímos na rua com o céu ainda clareando no horizonte. A cidade reina de cafeterias super cool e a gente decidiu ir em não apenas 1, mas 2 cafeterias pra começar o dia. Paramos para um bom e velho "flat white" na K Road e depois para o melhor bagel da cidade, pertinho da Sky City.

#loucosporcafédamanhã S2

> QUEEN´S FAVORITE

Adoramos explorar tudo a pé... E aqui não podia ser diferente. De qual outra forma a gente poderia sentir aquela brisa fria carregada de ar salgado, ouvindo váaarios sotaques e idiomas sendo falados ao mesmo tempo?! O dia no distrito comercial de Auckland já começava a borbulhar, e aquela infinidade de lojas a abrir, enquanto a gente descia a Queen Street em direção ao Waterfront.

(Até os sons dos semáforos de pedestres trouxeram aquela sensação de saudades rsrs)

E o sentimento nostálgico só ficou completo mesmo quando a gente estava a caminho do Auckland Domain e de repente o clima mudou (claro, NZ sendo NZ :) e começou a cair uma chuva com direito a horizonte cinzão e tudo! Só quem vive em cidades que tem todas as 4 estações num dia sabe do que eu estou falando... rsrsrs

Mas para tudo que eu preciso compartilhar isso!! Enquanto a gente se abrigava da chuva numa lojinha, encontrei a melhor forma de traduzir 2 paixões nacionais... Só observem:

Rugby & Ovelhas. Sim, o esporte (e a loucura) nacional é o rugby, e nós também somos loucos por tudo isso #allblacksfans4ever

— "Mas e as ovelhas????" Você deve estar se perguntando... É que a NZ é conhecida mundialmente por ter o maior número de ovelhas por km². Enquanto o país inteiro tem pouco mais de 4 milhões de habitantes, a população de ovelhas é de 30 milhões. E até a década de 90 ultrapassava os 70 milhões. E isso é motivo de orgulho nacional!!

Tanto significado e tão simplesmente traduzido numa camiseta de souvenir que precisei compartilhar :)

> UMA JORNADA É MELHOR MEDIDA EM AMIGOS, DO QUE EM KMs

E isso é a mais pura verdade. A vida trouxe pessoas muito especiais e colocou elas no nosso caminho, e esses eu tenho muito orgulho de chamar de AMIGOS. Mesmo a meio mundo de distância era como se a gente estivesse estado junto ontem (sabem essa sensação?!), e a sintonia é tanta que esse mundão sempre arruma um jeito de nos juntar em lugares que a gente nem imagina.

(Da Ásia para o resto do mundo, né meus queridos? ❤)

E desse grande encontro só podia sair o quê?? Muitas risadas, comilanças astronômicas, histórias memoráveis e cervejas! Sim sim sim, sempre assim rsrsrs

A gente desceu explorando a área do Viaduct Harbour, Waterfront e Princess Wharf a pé, indo para o melhor food alley que você respeita: DE COMIDAS ASIÁTICAS! Um lugar de convergência das nossas culinárias favoritas todas reunidas em um só lugar (e todas tradicionalíssimas) simplesmente levaram toda nossa maturidade e capacidade de escolha embora.

Decisão do dia? Super democrática! Cada um escolhe de um lugar diferente e a gente divide tudo. Foi a melhor combinação Tailandesa + Vietnamita + Indiana + Japonesa de TODOS OS TEMPOS :) rsrs

Nossa próxima parada envolve cervejas neozelandesas. E quer melhor lugar para as cervejas locais que um supermercado? (Somos desses que sempre visitam supermercados... Quem aí também tem essa sina quando viaja?)

Uma chuvinha tipicamente do início de inverno por aqui fez com que mudássemos nossos planos de subir o Mt. Eden, um dos vulcões extintos em Auckland, e então decidimos ir ver um dos espetáculos que AKL tem de melhor: o Skyline se acendendo, curtindo a vibe bohemian de Devonport.

Depois de tudo ainda terminamos o dia em Mission Bay, uma das baías mais famosas da cidade, com uma vista incrível para a ilha de Rangitoto. E claaaaro, rolou mais comilança nessa cidade que tem de tudo um pouco. E quer saber onde acabamos a noite?! Num restaurante super tradicional alemão (de alemães alemães, claro)! Com o melhor joelho de porco de todos e direito a canecas gigantes também!

Como não amar essa cidade-mundo???

> KIA ORA

Em Maori "Kia Ora" é uma saudação de "Oi", "Bem Vindo". Sua tradução original significa "tenha vida, fique bem", e é com sentimento que nosso dia intenso nº 2 começou. Bem assim: com um sol lindo e céu azul.

Mas hoje não teve café flat white por aqui... Hoje foi dia de outra paixão nacional: o chá! Essa herança britânica, misturada com uma pitada de influência dos 'vizinhos' asiáticos, levou a gente para essa casa de chá em plena Queen Street mas que bem que podia ser um cenário de Alice no País das Maravilhas (no melhor estilo hora do chá de desaniversário com o chapeleiro maluco rsrsrs)

O lado 'bom' de se ter poucas horas para aproveitar é que tudo parece ser ainda mais INTENSO... E como a gente tava acordando super cedo para o café (ou chá) da manhã, 10am já é considerado um horário aceitável para tomar um sorvete em pleno inverno né?! Nas andanças pela ruas do CBD encontramos uma sorveteria que literalmente era arte pura. Uma experiência em forma de sorvete!!

#amores

> KIWI TIME

Eu disse que morei na NZ... Na verdade eu fiz intercâmbio no país há alguns anos atrás e foi uma das melhores experiências da minha vida. Fiquei em uma homestay com uma família que só tenho a agradecer por tudo que vivi! Reencontrá-los me levou para uma época nostálgica da vida, e que tudo que falamos foi sobre saudades.

Mesmo tanto tempo sem se ver, voltar a se encontrar pessoalmente só fez eu me dar conta de que ali eu finquei minhas raízes também. Que sempre será uma casa dentro de mim! :)

E apesar das 36h estarem quase ao fim, nosso almoço juntos pareceu durar muitas h-o-r-a-s. Mas esse reencontro precisava de muito mais dias do que apenas umas horinhas juntos. Já quero voltar e com um gostinho ainda maior de saudades...

Esse sentimento de nostalgia com saudades foi muito presente. Sei que falei muito isso, mas é que não teria outra forma de eu poder expressar tudo o que Auckland significa para mim.

A cidade que carrega tantas identidades e tantos mundos juntos num só lugar, tem um jeitinho especial de marcar cada um. Esses detalhes estão nas entrelinhas que fazem parte desse turbilhão urbano, contado com uma simplicidade que faz a complexidade dessa dinâmica ser realmente tão natural e cativante.

Kia Ora

*

Posts Relacionados

Ver tudo

SOBRE NÓS

Somos Laion e Madu, um casal apaixonado por viagens, fotografia, surf e imãs de geladeira. Em 2015, inspirados por esse mundão incrível, nós decidimos embarcar numa jornada e queremos compartilhar experiências para despertar o espírito aventureiro que existe dentro de cada um de nós.

POSTS RECENTES

#PHOTOGRAPHER

Fotografia é uma paixão! Confira portfólio completo com os trabalhos e obras fotográficas das nossas expedições para prints, fine art, jobs, fotografias e filmografia completa

  • @projetodeboa
  • Projeto de Boa

#WANDERLUSTVIBES

Assine aqui para receber inspirações de viagens, lugares icônicos e ideias para aventuras memoráveis S2

2020. Todos os direitos reservados.